Quando eu crescer

Quando eu crescer quero direito ao descompromisso. Sem essa de atingir nível de excelência, alcançar o topo ou chegar lá. Só aceito crescer com a condição de conservar a meninice. E cultivando a meninice quero ter riso fácil, como quem não se preocupa com o passar do tempo: sente saudades do que foi sem se apegar em demasia; aguarda o que está por vir sem qualquer sinal de ansiedade.

Quando eu crescer quero estar em plena forma. Cultivar o corpo pulando corda e a mente contando histórias. Só concordo em crescer, se me for permitido arrancar da cara a expressão sisuda de quem finge dia após dia preocupação demais. Porque crescer pode ser tudo, menos entediante.

Quando eu crescer dinheiro não haverá de ser problema, tampouco a solução. Porque até lá a vida será à base da mais justa permuta: dá amor, ganha amor; oferece amizade, recebe carinho. Troca-se generosidade por esperança. Tesão por paixão. Troco sexo por cumplicidade – procuro intimidade de verdade.

Quando eu crescer terei deixado as neuroses onde nunca deveriam ter saído. Ciúme, inveja, dor-de-cotovelo e insegurança estarão fora do papo. Porque quando crescer me tornarei dona de mim. Até lá terei negociado com Deus o quanto tenho de direito sobre minha pessoa.

Quando eu crescer quero repensar a lei do desapego. Quero, aliás, mil motivos para me enroscar naqueles que amo e fazer dos encontros verdadeiros rituais. Quero brindar a família e celebrar as amizades. Porque quando crescer prometo coragem para declarar independência a tudo, menos às pessoas que gosto.

Quando eu crescer quero continuar ganhando colo de mãe e conselho de pai. Mesmo que pai e mãe não estejam mais aqui. Mesmo que mãe e pai sejam os amigos tão amigos quanto pai e mãe me foram.

Quando eu então crescer, terei o amor como único alimento e remédio.

29 comentários:

  1. ótimo tmbm penso quase como vc. eu acredito q crescer não precisa necessriamente deixar morer a criança q existe dentro de nós. e encarar a vida com mais seriedade sim! mas viver com alegria de uma eterna criança!!!

    t+
    abraços

    ResponderExcluir
  2. Quando eu crescer...
    Essas três palavrinhas parecem tão utópicas dps qeu se atinge uma certa idade. Chega a ser melancólico pros mais realistas. Me lembro de alguns anos atrás, pensava: "o que eu estarei fazendo com ... anos" e estes anos chegaram e passaram completamente diferentes do que eu tinha imaginado...rs
    Bem filosófico este texto, bacana msm. Uma frase de Tyler Durden no Clube da Luta resume bem esse sentimento de "futuro": "Fomos criados para acreditar que seríamos celebridades da TV e astros do rock...mas não somos! Não seremos"
    Abraço
    http://falandoprasparedes.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Oiee, muito bacana o seu texto, as palavras são das mais agradáveis, muito legal.

    P¹: Ser criança mesmo depois de grande é ser feliz... hehehe^^

    Beijoss Ana

    ResponderExcluir
  4. pensei que quando vc crescesse também quizesse ser grande.. :O
    rs

    abraço

    ResponderExcluir
  5. Vou concordar com a Ana: "Ser criança depois de grande é ser feliz".

    Mas nada de ser Peter Pan, que não quer crescer. Crescer eu quero, mas "sin perder la ternura jamás", como diria nosso bom e velho Che.

    Beijos, Gabriela

    ResponderExcluir
  6. "Quando então, eu crescer terei o amor como único alimento e remédio."

    Colquemos no plural.

    Quando crsecermos*.

    expressaste pensamentos aleatórios...

    Um beijo.

    ResponderExcluir
  7. Oi srta Cronista. Tem um selo pra vc no meu blog...
    Pega lá
    http://falandoprasparedes.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. quando eu... cresci! bem bom o texto, pena existir pouca gente grande assim.

    um beijo

    ResponderExcluir
  9. Um remédio que te dá efeitos colaterais...

    ResponderExcluir
  10. Quando eu crescer queria escrever parecido com você. Escrever não é tão difícil o quanto dizem. Difícil é tornar a escrita interessante, espontânea e, de certomodo,"verdadeiras" . "Mentiras sinceras me interessam..."

    ResponderExcluir
  11. Excelente texto, todos nós, penso, desejamos uma vida, um mundo melhor no futuro a começar a partir de agora!! Abraço

    http://repostasnuncaperguntadas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  12. Poxa....muito bacana mesmo esse texto.....adoooorei....
    Parabéns mesmo.......muito bom!!!

    Abração e bom dia ai pra ti!

    ResponderExcluir
  13. Obrigado Gabika. Já me sinto na obrigação.... Bjss

    ResponderExcluir
  14. Eu também penso mais ou menos assim, tenho tantos sonhos e desejos , tantas vontades, tudo p/ quando eu crescer!
    Espero encontrar um mundo melhor ;]
    beeijo :**

    http://www.afilhaunica.vai.la/

    ResponderExcluir
  15. É O AMOR QUE ESTÁ CHEGANDO
    ceto que eu to comentando no texto errado espero que vc não se importe.
    nossa texto muito bom.
    as vezes eu gostaria de escrever textos assim. tão bem detalhado.
    parebens

    ResponderExcluir
  16. Quando crescer quero ser criança

    ResponderExcluir
  17. se permitir descontração, sorriso e jogo de cintura são coisas importantes para a saúde mental de qualquer vivente!

    Muito bonito teu post... vou recomendar pra uma pessoa que precisa ler isso! Parabéns =)

    beijo!

    ResponderExcluir
  18. quando eu crescer eu quero tudo isso, mesmo que para muitos são meras ilusões, mas se eu não acreditar quem vai acreditar?
    eu ADOREI

    ResponderExcluir
  19. Adorei o texto :D
    Qnd crescer quero ter a sua visao das coisas pq elas sao lindas, td bem q eu ja tenho 20 anos, mas ainda posso crescer muito como pessoa.

    ResponderExcluir
  20. obrigado por seu comentário gabikaaaah! Tenho fé em ti. Escreve muito bem!!!
    Bjsss

    ResponderExcluir
  21. Quem não quer crescer dessa forma?
    Mas a vida,na maioria das vezes faz as pessoas pararem de sonhar e até mesmo de amar!
    Espero conseguir crescer com sentimentos de criança!
    Se o mundo assim me permitir!
    abraço

    ResponderExcluir
  22. Tento crescer desta forma...e olha que estou com mais de 50...ehehe
    Criança sempre.
    Parabéns pelo texto.
    Abraços

    ResponderExcluir
  23. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  24. Belo texto.

    Vamos crescer, mas vamos continuar crianças.
    Vamos continuar vivwendo e vamos fazer com o que o amor seja nosso remêdio, e talvez esse remêdio possa curar o nosso mundo doente.

    Um grande abraços e parabéns.

    ResponderExcluir
  25. se esse guilherme for realmente tao parecido com o que a pessoa do texto quer se tornar, sou fa dele!!! rss
    muito bom... texto muito alegre e cheio de esperança. gostei.. =)

    ResponderExcluir
  26. Texto muito bom!
    Amei seu blog,vc escreve muito bem!

    Ah,posso colocar seu blog no meu?

    bjão!

    ResponderExcluir

Obrigada pelo seu comentário.

 
A Cronista © 2013 | Gabriela Gomes. Todos os direitos reservados.